• Grupo Tripé

XY

Espaço circular. No centro os dois com pouco espaço. Limitados pelo contorno, igualmente circular de um trilho no qual gira uma câmera. Como um traveling circular. Pode ser um trenzinho de brinquedo com uma go pro amarrada num vagão. Em círculos maiores, concêntricos, outros trilhos diferentes, com outros aparatos, com outras câmeras, que giram em outro ritmo. Um sistema solar, onde o sol é o espaço em que vocês estão, no centro. Um dos aparatos de câmera pode ser um carrinho de super mercado. Empurrado por alguém, que só empurra. Diferentes cores, ângulos e enquadramentos de uma mesma cena, que acontece naquele instante no centro do espaço. A cena é verborrágica, olho no olho, como uma conversa interrogada, desabafada, concessionada. Uma outra câmera pode pegar de cima, zenital, e revelar a mandala sistêmica que é formada...

0 visualização

Brasília, DF
2012-2020 por Grupo Tripé | Teatro de Base